image
COMPREENDI
image
voltar Saúde e Medicina

Hipertensão: Como diagnosticar, prevenir e tratar?

Atualizado a 17 maio 2019

Dia Mundial da Hipertensão
(17 de maio)

Só em Portugal existem cerca de dois milhões de hipertensos, de acordo com os dados do Programa Nacional das Doenças Cérebro-Cardiovasculares. No entanto, metade destas pessoas desconhece que sofre de tensão arterial elevada, e só um quarto dos hipertensos têm a tensão controlada.

O motivo é simples: não há sintomas imediatos e, sem medições, a hipertensão não é diagnosticada e, por consequência, não é tratada.

MEDIDAS FARMACOLÓGICAS

Quando o tratamento sem fármacos não é suficiente, deve então recorrer-se aos antihipertensores. Estes devem ser prescritos pelo médico, segundo as características de cada paciente.

Importante não esquecer que nem todos os doentes reagem da mesma maneira aos diferentes fármacos antihipertensores. Um mesmo fármaco, que controla facilmente a hipertensão num doente, pode causar efeitos secundários intoleráveis noutro.

No entanto, dispomos hoje em dia de um arsenal terapêutico em constante progresso que, quando criteriosamente utilizado, permite controlar a hipertensão na esmagadora maioria dos casos, sem interferir com o bem-estar do doente.

Pode também ler

Ler mais

O meu Seguro de Saúde está aqui

Descarregar a aplicação Médis para o meu smartphone

Coloque o seu telemóvel na vertical

Coloque o seu telemóvel na vertical para navegar no site.

Atualize os seus

dados

Para que possa avançar para a sua área pessoal, atualize por favor os seus dados.

Esta atualização irá permitir-lhe receber notificações sobre os seus Reembolsos e Pré-Autorizações.

Atualizar