image
COMPREENDI
image
voltar Saúde e Medicina

Emoções e coração: uma dupla interligada

Atualizado a 08 maio 2019

Emoções e coração: qual é a sua ligação? Já todos sentimos o coração a bater desenfreadamente quando vemos aquela pessoa especial. A sensação de que parece que ele nos vai sair pela boca quando recebemos uma notícia menos boa também é comum.

Afinal, estarão emoções e coração relacionados ou será apenas uma metáfora herdada do mundo da poesia? Já diz o povo: “Olhos que não veem, coração que não sente”. Será que o coração sente, afinal, as emoções?

Cuide do seu coração

Nem sempre conseguimos controlar as nossas emoções. E para que elas não ponham em causa o bem-estar do nosso coração, existem algumas técnicas que podem ajudar a colocar-nos em contacto com o nosso próprio corpo e a nossa própria mente.

Meditar é uma das soluções. Sentir gratidão por algo ou alguém de forma genuína também pode ajudar. Relembrar um momento no qual se sentiu gratidão de forma sincera, recriando-o, pode aumentar a coerência do ritmo cardíaco, reduzir o stress emocional e, assim, melhorar a saúde. Desta forma, emoções e coração coabitam de forma saudável.

Pode também ler

Ler mais

O meu Seguro de Saúde está aqui

Descarregar a aplicação Médis para o meu smartphone

Coloque o seu telemóvel na vertical

Coloque o seu telemóvel na vertical para navegar no site.

Atualize os seus

dados

Para que possa avançar para a sua área pessoal, atualize por favor os seus dados.

Esta atualização irá permitir-lhe receber notificações sobre os seus Reembolsos e Pré-Autorizações.

Atualizar