image
COMPREENDI
image;
voltar Saúde e Medicina

Coronavírus: como se proteger e respostas às suas dúvidas

Atualizado a 11 fevereiro 2020

A OMS decretou o novo surto de coronavírus (COVID-19) como emergência de Saúde Pública a 30 de janeiro. De acordo com a Direção-Geral da Saúde (DGS) portuguesa, as principais formas de transmissão são:

  • gotículas respiratórias da boca ou do nariz
  • contacto direto com muco (secreções) infetadas, o que torna fundamental a lavagem frequente das mãos
  • aerossóis (partículas muito pequenas que se espalham pelo ar) resultantes de procedimentos terapêuticos como a intubação, ventilações, nebulização ou broncoscopia, entre outros, o que pode colocar os profissionais de saúde entre as pessoas em risco.

Em caso de dúvida sobre os sintomas, contacte a Linha Médis (218 458 888) para aconselhamento clínico.

Semelhanças com a gripe e constipação

Existem muitos sintomas semelhantes entre a infeção por coronavírus e a gripe ou a constipação, tais como a tosse, febre, mialgias, secreções nasais e espirros.

Por isso, o diagnóstico de infeção por coronavírus torna-se difícil apenas pela sintomatologia e é imperativo realizar testes laboratoriais.

O período de incubação varia entre os 2 e os 11 dias. No entanto, à semelhança de outras formas do coronavírus, o período de incubação pode chegar aos 24 dias.

Como tal é muito importante que se informe o médico se houve viagens nos 24 dias antes de se iniciarem os sintomas ou se houve contacto com pessoas que revelaram sintomas respiratórios.

Pode também ler

Ver mais artigos

O meu Seguro de Saúde está aqui

App Médis: o seu Serviço Pessoal de Saúde sempre consigo.

Coloque o seu telemóvel na vertical

Coloque o seu telemóvel na vertical para navegar no site.

Atualize os seus

dados

Para que possa avançar para a sua área pessoal, atualize por favor os seus dados.

Esta atualização irá permitir-lhe receber notificações sobre os seus Reembolsos e Pré-Autorizações.

Atualizar